Interfaces do namoro: a violência de gênero

Latif Antonia Cassab

Resumen


A violência de gênero nas relações de namoro, muitas vezes antecede à violência cometida às mulheres pelos seus conjugues e/ou companheiros no espaço doméstico. No entanto, existem muitas dificuldades para se conhecer a verdadeira magnitude de tal problema, uma vez que os estudos sobre esta violência estão quase sempre voltados para as relações conjugais, sem privilegiarem pesquisas que focalizem a violência de gênero, presente nas relações de jovens casais de namorados. Esta afirmativa é comprovada no levantamento realizado pelo Banco de Teses da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (2007), no período compreendido entre 1987 e 2007, relatando poucas iniciativas investigativas com esse recorte no Brasil. Entretanto, nos últimos anos têm ocorrido maiores discussões e ampliação na abertura de trabalhos investigativos sobre a violência nos relacionamentos de namoro. Nesta perspectiva, o artigo que apresentamos é resultado de uma pesquisa qualitativa, realizado na Universidade Estadual do Paraná/FECEA, com acadêmicas do Curso de Serviço Social, em 2011, cujo resultado desvelou a violência de gênero, implícitas nas relações dessas jovens em suas relações de namoro.

Palabras clave


juventude - namoro - violência de gênero

Texto completo:

PDF

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


Licencia de Creative Commons
Este obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial-SinObraDerivada 4.0 Internacional.

Organismo Editor: Área Feminismos, Género y Sexualidades (FemGeS) del Centro de Investigaciones María Saleme de Burnichon de la Facultad de Filosofía y Humanidades de la Universidad Nacional de Córdoba(CIFFYH-UNC).

http://www.ffyh.unc.edu.ar/ciffyh/

Pab. Agustín Tosco 1er Piso - Ciudad Universitaria - Córdoba

femges@ffyh.unc.edu.ar